Life lately – Bloqueio criativo

Esse post, antes de tudo, é um desabafo. Construí esse blog para que fosse um espacinho meu nesse mundo que é a internet, e quero que ele reflita o que eu penso, o que eu gosto e o que eu sinto. E a verdade é que tem um tempo que eu não estou me sentindo muito bem. Então se você só lê meu blog pelos posts de beleza e maquiagem, talvez essa postagem não seja para você. Como eu disse no começo, esse post é um desabafo.

Tatyanna Gois

A verdade é que eu estava com um bloqueio criativo gigantesco. Não sei nem se o termo certo seria mesmo bloqueio criativo, já que eu tenho um caderninho cheio de ideias de posts para o blog. O problema maior é que eu não tenho mais inspiração para blogar. Toda a motivação que me fazia abrir o computador e despejar o que eu sentia na tela simplesmente sumiu. Desapareceu. Tirou férias.

Não sei exatamente quando isso começou a acontecer, mas eu meio que tinha me desapaixonado pela blogosfera. Eu comecei a me cobrar demais para tirar fotos perfeitas e escrever posts que as pessoas iriam gostar. Comecei a me comparar demais com outros blogs – todos eles mais bonitos, com mais acessos, mais bem-sucedidos que o meu. De repente todos os blogs pareciam mais editoriais de revista e eu sei que nunca conseguiria ter uma produção imensa assim. Nem sei se eu gostaria de ter uma produção assim pra ser sincera. Eu comecei a pensar demais no que as pessoas achariam, sobre o que elas gostariam de ler, de ver, de assistir.

Esqueci que a única pessoa que eu preciso agradar era eu mesma. Esqueci que sucesso não se mede apenas pelo número de likes ou compartilhamentos. Esqueci que eu criei esse blog para ser uma válvula de escape, para ser meu lugarzinho na internet. Claro, eu também blogo pensando nos leitores. O problema é que eu tinha esquecido completamente que a minha felicidade era parte essencial dos motivos porquê eu blogo. Blogar tinha virado quase que um trabalho. “Eu preciso postar hoje!” “Já fazem 4 dias que eu não posto nada!” “Qual post deve ser mais atrativo pras leitoras? E pros leitores?” e coisas do tipo rondavam minha mente. A faculdade começou e eu me vi abarrotada de coisas para fazer, textos para ler, resumos, fichamentos, seminários, provas, trabalhos… Se eu estava escrevendo algum texto pro blog, ficava com peso na consciência de não estar usando esse tempo para fazer algo da faculdade. Se eu estava fazendo algo da faculdade, ficava com peso na consciência por ter abandonado o blog. Ou seja, independente do que eu estava fazendo, a angústia sempre estava ali, e isso acabou me afastando cada vez mais do blog. Pensei até em desistir de vez de blogar. 🙁

Tatyanna Gois

Até que hoje eu resolvi mudar isso. Revisitei os motivos pelo qual eu tenho esse blog e retomei minha paixão pela blogosfera (acho tão 2005 falar “blogosfera” mas adoro! hehe). Lembrei que esse é um espaço para eu expressar minha criatividade e escrever o que me der na telha. Sem muitas cobranças, sem muita produção. Quero voltar às origens, quando eu postava simplesmente porque aquilo me fazia feliz. Risquei do meu caderno todas as ideias mirabolantes e que não refletiam quem eu sou de verdade e fiquei só com aquelas que são a minha cara. O bloqueio criativo sumiu!

Toda essa reflexão que me fez voltar a amar o blog me fez ficar ainda mais animada para algumas mudanças que farei por aqui! São algumas coisas que eu quero fazer há muito tempo e espero que todos vocês gostem do que estou preparando. Tudo está sendo feito com muito amor ♡

Enfim, o post de hoje foi meio longo mas nem vou pedir desculpas porque eu estava precisando desse desabafo. Obrigada se você leu até aqui e se você acompanha o blog! ♡

Author: Tatyanna Gois

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Taty, querida, eu a conheci no tempo em que você morava no UK e me encantei com seu jeito doce e com sua forma de ver a vida. Desde então, sempre procurei acompanhar seus posts e, de longe, ver seu crescimento. Esse seu post me enche de orgulho (coisa louca de dizer de quem não se conhece, eu sei. hehe), porque mostra o quanto você está madura no que diz respeito ao que realmente importa – não apenas na “arte de blogar”, mas na vida mesmo. 🙂

    Isso que aconteceu com você é supernormal. Todos temos altos e baixos. Mas aprender a lidar com eles é o que faz a diferença. E você mostrou que sabe como conduzir momentos bons e ruins agora, o que com certeza será muito útil para você daqui para frente.

    Sucesso sempre. E desculpa pelo comentário meio “tiazona”. hahaha

    Beijo!

    Nah

    • Nah, seu comentário fez meu dia! Tenho um carinho muito grande pelo seu site e pelos seus tweets (sempre leio seus tweets!). Com certeza lidar com esse “bloqueio” foi um momento de amadurecimento pra mim. Foi importante para eu perceber minhas prioridades e entender aquilo que realmente importa. Muitas vezes eu ficava presa demais nos outros e não me concentrava em mim. Fico feliz de perceber que eu aprendi com essa experiência.
      Sucesso sempre para você também, querida! Obrigada de novo pelas palavras. Beijo!

  • Taty, é tão bom ler todas as coisas que escreve. Leitura leve,posts que mostram um pouco da pessoa linda que voce é. Bom acompanhar seu crescimento de perto e pelas suas palavras. Bom acompanhar suas conquistas, angústias, medos, descobertas, soluções.Continue escrevendo e me dando o prazer de ler cada palavra. Bjs.