Por que você bloga?

tatyanna gois

Como comentei no post anterior, eu estava achando meu blog um pouco impessoal. Para mudar um pouco essa situação, hoje vim responder uma das perguntas que mais me fazem em relação a esse meu espacinho na web: “Por que você bloga?”.

Para responder essa famosa pergunta, tenho que voltar no tempo quase uma década, lá nos meus primeiros blogs. Para quem não sabe, eu já tive inúmeros blogs. A maioria deles, confesso, não durou mais que poucos meses. Outros, como o Taty in the UK, fizeram mais sucesso que eu planejei inicialmente. A questão é que durante minha adolescência inteira eu estive presente nesse mundo maravilhoso que é a blogosfera.

tatyanna gois

Já tive blogs falando de bandas que eu gostava (McFLY, Green Day, The Calling, Miley Cyrus…); falando de textos que eu fazia para minhas paixonites platônicas; falando do que eu fiz na semana (spoiler: era jogar The Sims e descer pra debaixo do meu bloco); falando sobre meu intercâmbio na Inglaterra… Enfim, os assuntos eram variados, mas sempre tinham um “tema” em comum. Este meu blog atual é, de certa forma, uma experiência nova para mim. Nunca tinha falado sobre assuntos tão diferentes e aleatórios num mesmo espaço.

tatyanna gois

Em todos os posts de “conselhos para blogs” ou de “como fazer seu blog crescer” que eu vejo por ai, dizem que uma das primeiras coisas que você deve fazer é encontrar o “nicho” do seu blog. Basicamente, é para se caracterizar e se colocar numa caixinha que pode ser intitulada “blog de moda” ou “blog de beleza” ou “blog de estilo de vida” ou “blog-diário” ou “blog de viagem” ou “blog de tecnologia”, entre outros. O problema é que meu blog não se encaixa em apenas uma dessas categorias. Aqui eu falo sim sobre beleza mas eu também falo sobre música e eu também falo sobre coisas da vida e ainda falo sobre meu dia-a-dia e assim por diante. Sabe, acho que me rotular seria me limitar. Se eu me colocar como “blog de beleza”, por exemplo, achariam estranho eu fazer posts do tipo diário. Enfim, o que quero dizer é que esse blog não tem um nicho definido, e eu definitivamente gosto mais dele por causa disso.

tatyanna gois

Assim como ele não tem um nicho definido, ele não tem um “objetivo” definido. Voltemos à pergunta principal. Por que você bloga? Eu blogo, inicialmente, para me distrair do mundo ao meu redor. É um hobbie que eu amo e que provavelmente não vou largar de mão, não importa quantos blogs nasçam e morram. Em contraste, eu blogo para entender o mundo à minha volta. Para expressar minhas opiniões, meus gostos, meus desgostos. Eu blogo para ajudar alguns de vocês, nem que seja a aprender a fazer cookies de chocolate ou fazer as unhas em casa. São inúmeras as coisas que eu aprendi lendo blogs! É muito bom poder compartilhar seu conhecimento com o mundo. Eu blogo para exercitar minhas duas paixões: a escrita e a fotografia. Mesmo que nenhuma das duas sejam tão boas (ainda) hahaha. Eu blogo para deixar momentos registrados. Eu blogo para sair da minha zona de conforto. Eu blogo para poder me conhecer melhor. Eu blogo para me inspirar e para inspirar os outros. Eu blogo para mim, em primeiro lugar, mas também blogo para você que está lendo isso.

E você, por quê lê meu blog? Para se distrair, para aprender, tédio…? Quero saber! Diga-me nos comentários abaixo.

<3

Author: Tatyanna Gois

Tatyanna Gois é brasiliense, tem 22 anos e prefere ser chamada de Taty. Cursa Relações Internacionais mas ama fotografia, maquiagens e um bom café coado. É viciada em internet e não vive sem o celular na mão. Ela é daquelas sonhadoras incuráveis, que colocam um pouco do seu coração em tudo que decidem fazer. ♡

Deixe um comentário!