Resenha: Feita de Fumaça & Osso (trilogia)

Daughter of Smoke & Bone

O post de hoje é um pouco diferente dos que eu costumo fazer. Hoje teremos uma resenha literária (sem spoilers) de uma trilogia de livros que eu fiquei viciada nesses últimos dias: a trilogia Feita de Fumaça & Osso, da Laini Taylor.

Daughter of Smoke & Bone

Essa trilogia, que foi indicada para mim pela minha amiga maravilhosa Geovana, é composta pelos livros “Feita de Fumaça & Osso”, “Dias de Sangue & Estrelas” e “Sonhos com Deuses & Monstros”. Li todos os três livros em Agosto, devorando cada parágrafo como se não houvesse amanhã. É isso que acontece quando leio livros tão bons quanto estes: esqueço do mundo à minha volta e só volto à realidade quando termino a última página. É bom, de certa maneira, ser imersa num mundo completamente diferente do meu. O problema é que eu me envolvo tanto com a história que acabo sofrendo junto com os personagens (sofrendo e chorando e gargalhando e sorrindo…). É até engraçado assistir-me lendo, porque numa hora estou rindo e em outra me derramando em lágrimas… 😀 🙁 Alguém mais é assim ou será que sou a única louca que vive intensamente a história?

É difícil escrever sobre uma trilogia sem dar spoilers, então a resenha que farei aqui será totalmente superficial, mas acreditem em mim que não se arrependerão de ler esses livros!

Feita de Fumaça & Osso Daughter of Smoke & Bone

Os livros são escritos em terceira pessoa mas parecem que são escritos em primeira, porque ela muda um pouco o jeito de escrever de acordo com o personagem que ela está falando sobre. É como se cada personagem tivesse sua própria voz. Você começa a entender o jeito de pensar de cada um, a singularidade de cada humor, as emoções por traz de cada fala. A autora, Laini Taylor, realmente escreve muito bem.

Os capítulos são curtos e muitos. Cada um acaba com num suspense, o que só te faz querer ler o próximo capítulo e o próximo e o próximo e o próximo… O final de cada livro é o ápice do suspense, que provoca o mesmo efeito de cima. É difícil deixar esses livros depois que você os começa. A diagramação dos livros é ótima e as páginas são amareladas, o que eu gosto.

Daughter of Smoke & Bone Daughter of Smoke & Bone

Sobre a história: não sei exatamente como falar sobre ela sem dar spoilers, então vou colocar o que está na descrição do Goodreads: “Pelos quatro cantos da Terra, mãos negras aparecem marcadas nas portas das casas, gravadas a fogo por seres alados que surgem de uma fenda no céu. Em uma loja sombria e empoeirada, o estoque de dentes humanos de um demônio está perigosamente baixo. E nas tumultuadas ruas de Praga, uma jovem estudante de arte está prestes a se envolver em uma guerra sem precedentes. O nome dela é Karou. Seus cadernos de desenho são repletos de monstros que podem ou não ser reais; ela desaparece e ressurge do nada, despachada em enigmáticas missões; fala diversas línguas, nem todas humanas, e seu cabelo azul nasce exatamente dessa cor. Quem ela é de verdade? A pergunta a persegue, e o caminho até a resposta começa no olhar abrasador de um completo estranho.”

A história conta com personagens incríveis, complexos e muito bem escritos. Existem monstros, anjos, aventuras, humor, guerras, romances, traições… tudo! É realmente incrível. Sobre o final: eu tinha muitas expectativas sobre o final da trilogia. Eu mudaria algumas coisinhas, mas não posso dizer que me decepcionei. Acho que eu só queria saber mais e mais e mais. O que acontece depois do final? Como estão os personagens que eu tanto amei e odiei? São tantas perguntas que ficarão pra sempre sem resposta… Mas acho que isso faz parte da magia dos livros. Depois que ele acaba, você deixa sua imaginação preencher o “vazio” sobrou, dando novos rumos aos personagens, novas aventuras, novos desafios.

Daughter of Smoke & Bone

Enfim, é isso. Se alguém já leu esses livros, o que acharam? Digam-me nos comentários. E indiquem-me novos livros para eu devorar! Estou sempre à procura de novos mundos pra explorar.

<3

Author: Tatyanna Gois

Tatyanna Gois é brasiliense, tem 22 anos e prefere ser chamada de Taty. Cursa Relações Internacionais mas ama fotografia, maquiagens e um bom café coado. É viciada em internet e não vive sem o celular na mão. Ela é daquelas sonhadoras incuráveis, que colocam um pouco do seu coração em tudo que decidem fazer. ♡

Deixe um comentário!